Análise do impacto do covid-19 em pacientes com doenças reumáticas

Para :
    Manuel Francisco Ugarte-Gil


25 Novembro, 2020
https://doi.org/10.46856/grp.233.e044
views 1211views

Um registro mundial é estabelecido para analisar a relação entre as doenças autoimunes e o covid-19.

 Por meio do Registro Global de Reumatologia (COVID-19 Global Rheumatology Alliance), os pacientes com doenças autoimunes e que também apresentam um resultado positivo para covid-19 são analisados.

 O objetivo é estabelecer a gravidade, o prognóstico, fatores de risco, entre outros.

 A doença autoimune mais associada é a artrite reumatoide, seguida pelo lúpus, e a idade média é de 50 anos, sendo a maioria mulheres.

 O Dr. Manuel Ugarte explica em uma entrevista os resultados desta primeira análise para a América Latina (1) e o que se espera conseguir no futuro com um maior número de pacientes incluindo um maior percentual de latino-americanos e um panorama dos tratamentos hospitalares e de cuidado.

 

 

1.Ugarte M et al Características associadas a Covid-19 em pacientes com doença reumática na América Latina: dados do registro de relatórios médicos da Covid-19 Global Rheumatology Alliance. Global Rheumatology https://www.globalrheumpanlar.org/node/254 Sept 2020

 

 

enviar Envía un artículo